Notícias

TAMANHO DO TEXTO

A unidade dos trabalhadores contra os juros e a perda de direitos

Postado em 20/07/2016 às 17:20:46

Interação:

A unidade dos trabalhadores contra os juros e a perda de direitos

Eu quero agora, eu quero já, eu quero ver o juro abaixar” – esta foi a palavra de ordem entoada na manifestação unitária promovida nesta terça-feira (19), em São Paulo, pelas seis principais centrais sindicais (CTB, Força Sindical, CUT, UGT, Nova Central e CSB).

A unidade das centrais em torno de um programa comum de reivindicações tem importância estratégica. E eleva a novo patamar a luta contra as ameaças representadas pela dupla Michel Temer/Henrique Meirelles que comanda os golpistas que foram levados ao governo federal.

A luta unitária das centrais, que rejeitam que os trabalhadores paguem o preço do ajuste neoliberal da economia, promovido pela dupla ilegítima, merece ser comemorada por todos os democratas.

As bandeiras desta luta – contra o desemprego, os juros altos e a reforma da Previdência – são defendidas pelo conjunto das centrais pois “ameaçam direitos de toda a classe trabalhadora”, disse Wagner Gomes, secretário geral da CTB.

O secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Juruna, por sua vez, considera que “estamos retomando a unidade de ação do movimento sindical, na luta contra a retirada de direitos, em um momento difícil que o país atravessa”.

A ação unificada das centrais vai além da luta contra os juros altos e coloca no cenário político (conturbado pelo golpe midiático político e judicial em andamento) a firme decisão dos trabalhadores de lutar contra qualquer ameaça aos direitos sociais já alcançados, e postos sob grave risco desde que Michel Temer foi alçado à Presidência da República.

A manifestação unificada dos trabalhadores será seguida, daqui a uma semana (no próximo dia 26) pela plenária unitária das centrais que ocorrerá em São Paulo e lançará um manifesto com as principais bandeiras de luta. Será uma jornada pelos interesses dos trabalhadores e vai elaborar uma agenda unitária para enfrentar a política econômica contrária aos direitos sociais, trabalhistas e previdenciários.

A ação unitária é fundamental para defender os direitos já alcançados. Ela é a garantia do fortalecimento da luta dos trabalhador

Fonte: Portal Vermelho

Imagem: quadro "Operários" (1933) de Tarsila do Amaral.

Últimas notícias

+ Ver todas as notícias